Skip links

Traduzindo a Ciência

A ciência é uma das principais formas de comunicação existentes no mundo. Desde os tempos mais antigos foi na filosofia, na medicina, na política, etc que a humanidade conseguiu conversar entre si, mesmo quando não tínhamos a mínima noção de como faríamos para nos entender completamente.

Com o tempo começamos a produzir conteúdo científico para decifrar o mundo em que vivemos, buscando respostas e dúvidas para coisas que fazem parte do nosso dia a dia.

Traduzindo a Medicina

Não, não vamos falar sobre uma nova tecnologia que nos ajude a entender a letra dos médicos! Infelizmente ainda é uma tarefa que só os farmacêuticos conseguem entender….

A questão da medicina é que por ser um campo de conhecimento em acelerado desenvolvimento científico e tecnológico, ano após ano um grande número de novos termos é anexado ao léxico médico. Com isso, além de enfrentar as mudanças normais de vocabulário que ocorrem em todos os idiomas devido ao surgimento de uma extraordinária variedade de objetos e processos, seja na vida cotidiana ou em situações altamente especializadas, o inglês está sofrendo alterações no uso que, dificultam o processo de tradução de artigos que tratem do tema, por exemplo.

Devido à necessidade de rápida atualização de seu conhecimento, o profissional da saúde os aprende diretamente no idioma original e mantém isso em seu cotidiano. Isso não é necessariamente ruim, mas fixa o conhecimento de um planeta inteiro em um único idioma. E, bom, sabemos que em cada canto do mundo existe um tipo novo de “receita da vó”, por exemplo, que ajuda em alguma coisa da saúde e que é muito específico dentro daquela população, fazendo com que seja injusto que todo aquele conhecimento natural seja levado para outro idioma (perdendo parte da noção cultural) sem que seja extremamente analisado o que se está sendo traduzido para que nada se perca no caminho. Uma opção seria, em determinados casos, manter o original entre parênteses para auxiliar na compreensão.

É interessante pensar que não só a comunicação melhorou e facilitou que novos meios de cura, digamos assim, puderam ser descobertos, traduzidos e compartilhados entre as nações, mas também a forma com que a própria medicina evoluiu muito. O pessoal do BuzzFeed fez uma brincadeira legal sobre assunto, desafiando os leitores a descobrirem quais procedimentos bizarros eram normais antigamente e quais são só história de pescador.

Criando uma Tradução Coerente

É fundamental que tradutores busquem assessoria linguística com profissionais da área, para evitar certas armadilhas clássicas e submeter o texto a uma boa revisão com esses profissionais, solucionando dúvidas e debatendo significados.

Deve-se sempre realizar uma extensa pesquisa bibliográfica em busca de termos já traduzidos em publicações anteriores, procurando-se manter a escolha do primeiro tradutor, porque a unificação da tradução técnica facilita a compreensão e acelera a incorporação dos termos.

Na Universo

Na Universo contamos com profissionais nativos nos idiomas que trabalhos e aptos para lidar com as mais diversas áreas do conhecimento, como: Agricultura, Biologia, Biologia Molecular, Bioquímica, Ciências Ambientais, Cultura de Células, Eletroforese, Engenharias, Espectrofotometria, Farmácia, Filosofia, Física, Imunologia, Matemática, Medicina, Microbiologia, Microscopia, PCR, Psicologia, Química, Robótica e Sociologia.

Assim não tem erro!
O tradutor não só fala o idioma com precisão como entende do assunto que está sendo traduzido, auxiliando na construção de um texto coerente e dentro do proposto em sua versão original.

Deixe um comentário