Tradução de Livros

A tradução de textos que vêm de outros países, outras culturas, outras realidades, é uma riqueza sem fim. Ela possibilita o compartilhamento de sabedorias e conhecimentos que, de outra forma, ficariam contidos em suas culturas de origem.

A literatura, por exemplo, abre portas para conhecermos outros horizontes e outras possibilidades. Os livros de filosofia de países longínquos nos apresentam novas formas de pensar o mundo, e de compreendê-lo. Livros infantis originários de outras culturas podem apresentar às crianças outras possibilidades de existência, para além do que conhecem em suas vivências.
Acompanhe nossas redes sociais:

Como funciona a tradução de livros?

Pense nos últimos livros que você leu, fossem eles de literatura, técnicos, de não-ficção. Eles eram traduções, ou eram livros escritos originalmente em português? As chances de a maioria deles, ou até todos eles, terem sido traduções, é muito grande. É só você olhar as listas de livros mais vendidos publicadas por órgãos como a Publishnews, que traz notícias sobre o mercado editorial e a indústria do livro no Brasil: todo ano, a maioria dos livros que constam nas listas são traduções.

Mas, como funciona a tradução de livros? E por que ela é importante? Se existe – muita – gente que escreve no Brasil, por que precisamos ler textos que são escritos em outras línguas e precisam ser traduzidos?
img-trad-liv-top-001

Como é o processo para traduzir um livro?

  • O livro é “comprado” pela editora, ou seja, a editora adquire os direitos autorais. Se você observar a página de créditos de qualquer livro traduzido, vai ver que aparecem os direitos autorais da editora internacional ou do autor, dependendo de quem detém os direitos, e o copyright da editora brasileira.

  • Normalmente, as negociações para a compra dos direitos autorais acontecem entre a editora e uma agência literária – um tipo de empresa que ainda não é muito comum no Brasil, mas que é a norma na Europa e nos Estados Unidos. Essas conversas podem acontecer por e-mail ou nas feiras literárias. Depois de fechado o acordo, o livro está pronto para tradução.

Faça um orçamento instantâneo

Uma solução fácil para você ganhar tempo e qualidade, fale com um de nossos atendentes.
img-trad-liv-middle-001

Como é o trabalho do tradutor de livros?

O tradutor vai ser escolhido com base em diversos critérios: alguns são os tradutores “oficiais” de certos autores, outros são estudiosos de uma obra e, por isso, seriam bons tradutores, outros se especializam em certa área e costumam sempre traduzir livros que tratem dela… São muitos os fatores.

Depois de contratado, o tradutor recebe o texto ou o livro original para iniciar a tradução. O tempo para completar o projeto varia muito, dependendo da urgência para publicação. Quem não se lembra de esperar ansiosamente as traduções dos novos livros do Harry Potter, e de pensar que a tradutora demorava demais para traduzi-los? Mas a verdade é que ela tinha, no máximo, dois meses para completar a tradução de livros de 500, 600 páginas. Esse é, frequentemente, o caso desses livros de franquias famosas e trilogias muitos esperadas. Outros livros podem ser traduzidos com mais tempo e tranquilidade. Vai depender, de fato, da necessidade da editora.

Depois de traduzido, o livro passa por um processo de “cotejamento”, onde um profissional verifica se o texto todo foi traduzido, se não faltaram páginas ou parágrafos etc. O texto também passa por um profissional chamado de “preparador”, que revisa a tradução e dá sugestões ao tradutor de mudanças que podem ser pertinentes, além de também adequar a tradução aos moldes exigidos pela editora.