Skip links

Dicas para começar a trabalhar como tradutor

Cada professor ou orientador que você teve com certeza te deu esse conselho – ser bilíngue cria oportunidades de carreira, e o domínio de pelo menos dois idiomas pode levá-lo diretamente a oportunidades de emprego. Se você está pensando em usar seus talentos linguísticos para iniciar uma nova carreira na tradução, há algumas coisas que você precisa saber primeiro. A tradução é uma carreira que tem muitas variantes e exige muitos níveis:

1. Você pode iniciar como freelancer ou fixo em uma empresa

Algumas empresas contratam tradutores fixos, com carteira assinada; outras repassam os trabalhos de seus clientes para os tradutores – como é o caso da nossa empresa.  Se você prefere iniciar trabalhando com colegas, porque se sente mais seguro e pode trocar conhecimentos no lugar de trabalho, já que trabalhará com outras pessoa ao lado, trabalhar em uma posição fixa em uma empresa de tradução será a melhor opção para você. Por outro lado, algumas pessoas preferem ser tradutores freelancers. Essas pessoas recebem ofertas de projetos pontuais e são livres para aceitar ou não. A remuneração também é por projeto e não um valor fixo mensal. Esta é a opção perfeita para quem prefere traduzir com liberdade de tempo e valor, trabalhar de casa, poder tomar um café e ter a liberdade de aceitar ou recusar qualquer projeto de tradução.

2. O seu salário pode variar todo mês

O salário do tradutor varia constantemente. Se você decidir começar como freelancer, receberá por projeto realizado; por outro lado, se você decidir trabalhar fixo em uma agência de tradução, você receberá um valor fixo mensal, o que, na maioria das vezes, acaba sendo um valor mais baixo do que o de um freelancer. Mas lembre-se que, no início da sua carreira, sua prioridade deverá ser pegar experiência e se aprimorar cada vez mais nas traduções, o dinheiro virá como consequência de seu bom trabalho e expertise. O valor que você poderá cobrar pelos seus trabalhos dependerá das suas habilidades e do volume de trabalho. Na medida em que ganhar experiência, você conseguirá pegar mais projetos e otimizar seu tempo, podendo traduzir mais palavras em menos tempo. Veja mais informações sobre o mercado de traduções no site da Statista.

3. Especialize-se em uma área

Clientes diretos e agências de tradução buscam trabalhar com tradutores especializados em determinada área, como: marketing, direito, medicina, área técnica, etc. Há um grande leque de opções e você poderá aprimorar-se na área que preferir ou em que acredite ter mais facilidade para traduzir. Instruções altamente técnicas, terminologia médica e científica e até conhecimentos mecânicos podem fazer com que você seja procurado. Muitas pessoas com formação em outras profissões, como engenheiros, médicos ou advogados bilíngues adentram-se à carreira de tradução, focando 100% nela; dessa forma, eles têm a vantagem de ter forte conhecimento em sua área de formação.

4. Necessidade de interpretar o texto

Uma coisa que muitos tradutores fazem é traduzir literalmente, devido à falta de expertise em tradução e até mesmo no idioma. Você pode usar uma ferramenta de tradução automática para agilizar seu trabalho, mas ele sempre precisará de revisão e interpretação – deixar as ferramentas de memória de tradução traduzirem o documento e não revisar pode ser uma grande dor de cabeça para a agência ou o cliente direto que o contratou. Existem ditados, provérbios, coloquialismos, trocadilhos, expressões idiomáticas que podem não ser traduzidos literalmente para outro idioma. Eles não terão um equivalente, e tradutores automatizados ou tradutores inexperientes podem não ser capazes de descobrir o que eles significam.

Os melhores tradutores são principalmente aqueles que desejam achar significados mais profundos. Eles mergulharão na cultura do outro idioma, aprenderão as coisas intraduzíveis e encontrarão a melhor maneira de colocá-las de forma clara e concisa no outro idioma.

O entendimento cultural no momento da tradução é sumamente importante para o entendimento de um idioma.

A tradução é um trabalho meticuloso e trabalhoso, mas será sempre recompensador, seja pelo salário que receberá ou por aprimorar suas habilidades. À medida que sua proficiência se desenvolve, você cresce mais e mais como profissional.